Governo do Estado faz abertura da aceleração do programa SEEDES

0
128
Governo do Estado faz abertura da aceleração do programa SEEDES


O governador do Estado, Renato Casagrande, participou, nesta terça-feira (29), do evento que marca o início da aceleração do SEEDES – Startup e Empreendedorismo Estadual em Desenvolvimento no Espírito Santo, o primeiro programa público de aceleração de startups do Estado. Nessa primeira rodada, foram selecionados 30 projetos de startups de 16 segmentos distintos, em fase de evolução ou operação, e disponibilizados até R$ 100 mil em recursos para cada projeto.

Durante a seleção dos projetos das startups, foram registradas 104 inscrições para o Edital FAPES 13/2022 – Programa SEEDES, de dez estados diferentes e de mais de 30 cidades. Foram inscritas empresas de 20 áreas de atuação distintas, das quais 53% estavam em fase de maturação ou tração e 47% em evolução ou operação.

“O que nós desejamos e queremos é um ambiente em que os investimentos em inovação e tecnologia sejam permanentes. Estamos investindo na aceleração de startups para que o Espírito Santo se torne uma referência. Se a gente quer se colocar no mundo, nós precisamos ser eficientes. Ter empresas que inovam é importante para que a gente produza tecnologia e não sejamos apenas consumidores. Assim, serão riquezas para nosso Estado, permitindo que avancemos não só como uma sociedade de base tecnológica, mas também solidária entre as pessoas. Não queremos uma sociedade violenta, mas uma que cultive a paz”, afirmou o governador.

Inovação

A aceleração do SEEDES conta com mais de 70 empreendedores, que, durante seis meses de atividades, vão participar de mentorias, capacitações, difusão, imersão e networking. O programa começa com um diagnóstico inicial de cada startup, com o objetivo de analisar qual é o momento de maturidade de cada uma delas. Com base nesse diagnóstico, será produzido um plano individual de desenvolvimento para cada startup, com base em quatro pilares: produto, negócios, time e receita.

A partir desse plano, cada empresa poderá trabalhar para a evolução nas atividades, trilhas, capacitações e treinamentos semanais programados, tendo o acompanhamento, durante toda a aceleração, de agentes de aceleração. Também poderão acionar mentorias personalizadas com o “advisor”, um mentor-padrinho e referência no segmento de cada empresa.

Para fomentar as conexões, trocas de conhecimento e fortalecimento do ecossistema de empreendedorismo e inovação capixaba, serão promovidos atividades e eventos de conexão com o ecossistema, reforçando a articulação da comunidade de startups no Espírito Santo.

Com a conclusão dos seis meses de aceleração, será feito um diagnóstico final para avaliar a evolução e o desenvolvimento dentro do programa de cada startup. Os resultados serão apresentados no “demoday”, um evento que apresentará ao ecossistema as empresas e a evolução delas no programa.

Case de sucesso

Ainda durante o evento de lançamento foi apresentado um painel com o case de sucesso da “Se Candidate, Mulher!”, startup que ficou em 1º lugar na seletiva do SEEDES e que ganhou o prêmio nacional, pelo terceiro ano, do Startup Awards 2K22, a maior premiação do ecossistema de inovação do Brasil, e que ganhou o prêmio de startup com maior impacto no ano de 2022.

“O grande diferencial deste financiamento realizado por meio do SEEDES é que ele entra num momento crucial de toda startup, que é quando elas já existem, já têm um produto, mas ainda não conseguiram efetivamente escalar este produto no mercado. A aceleração promovida pelo SEEDES, então, tem o objetivo de que as startups beneficiadas alcancem outro patamar, ou seja, passem a entregar numa escala maior e, com isso, consigam sobreviver e se efetivar enquanto empresa”, destacou o subsecretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação, Denio Rebello Arantes.

“É importante que se diga que o SEEDES é um programa sonhado e realizado por muitas mãos. O SEEDES foi elaborado por muito tempo e, inclusive, está sendo preparado um espaço no Centro de Vitória, no Hub ES+ do Governo do Estado, para abrigar as 30 startups que iniciam agora o processo de aceleração, que terá duração de seis meses. Isso reforça a nossa expectativa com esse programa, que será um sucesso! Que essa seja a primeira de outras edições do SEEDES. Acreditamos que o Espírito Santo tem muito potencial inovativo e que o programa vai reforçar isso”, explicou a diretora-presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes), Cristina Engel.

“O SEEDES, além de fomentar o ecossistema de inovação do Espírito Santo, também abre as portas do Estado para que novas empresas, de outros estados e até de fora do Brasil, venham pra cá. Que venham e troquem experiências com as startups capixabas para que todas trabalhem de forma colaborativa e, assim, consigam novos mercados e, lógico, se estabeleçam em território capixaba. Isso segue a mesma política do nosso governador: a de trazer novas empresas para o Estado e, com isso, dinamizar a economia local”, pontuou o diretor de inovação da Fapes, Elton Moura.

“Por meio do SEEDES, nós estamos promovendo essa dinamização com empresas de base tecnológica, as startups, e isso é fundamental para o crescimento do nosso Estado. Assim, esperamos que novos empregos sejam gerados, que o faturamento dessas startups seja aumentado e que atendam, é claro, seus clientes com muita qualidade”, acrescentou Elton Moura.

“É uma honra para o IEBT Innovation participar da aceleração do SEEDES. Temos bastante experiência neste tipo de projeto, que envolve vários atores do ecossistema local de inovação. A expectativa é grande, pois o Estado do Espírito Santo oferece muitas oportunidades de novos negócios de impacto na sociedade”, avaliou Paulo Vitor Guerra, CEO do IEBT Innovation. 

Investimento no Programa Seedes:

Foram investidos R$ 5,5 milhões de reais, por meio do Funcitec/MCI, no primeiro programa público de aceleração de startups do Espírito Santo, sendo que R$ 3 milhões destes recursos serão investidos diretamente no desenvolvimento dos projetos das startups. O restante do recurso foi utilizado para a contratação da empresa que acelerará as startups e para a estruturação do espaço físico que abrigará o programa.

Cronograma do início da aceleração:

  • Início do primeiro mês de aceleração: 21 de novembro de 2022
  • Semana de onboarding: 21/11 a 25/11 [remoto]
  • Semana de imersão: 28/11 a 02/12 [presencial]
  • Evento de lançamento: 29/11 [presencial]
  • Capacitações e treinamentos: 05/12 a 21/12 [remoto]
  • Início do 2º mês de aceleração: 02/01/2023 [presencial]

 

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação do Governo
Giovani Pagotto
(27) 98895-0843  

Assessoria de Comunicação da Fapes
Samantha Nepomuceno
(27) 3636-1867
comunicacao@fapes.es.gov.br

 

Fonte: Notícias do Governo do Espírito Santo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui