20.6 C
Itapemirim
terça-feira 17 maio 2022

Presidente Kennedy teve o maior PIB por habitante em 2019

Presidente KennedyPresidente Kennedy teve o maior PIB por habitante em 2019

Valor das riquezas per capita do município somou R$ 464.883,49, impulsionado pela extração de petróleo, aponta IBGE

presidente-kennedy-17122021120159095 Presidente Kennedy teve o maior PIB por habitante em 2019
Presidente Kennedy tem cerca de 11.740 habitantes. Foto: divulgação

A cidade de Presidente Kennedy, situada no Espírito Santo, foi responsável pelo maior PIB (Produto Interno Bruto) per capita do Brasil em 2019, de R$ 464.883,49. O resultado foi puxado pela extração de petróleo na região.

No mesmo ano, o PIB per capita brasileiro foi de R$ 35.161,70, de acordo com dados do PIB dos Municípios 2019, divulgados nesta sexta-feira (17) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Com cerca de 11.740 habitantes distribuídos em um território de 583,932 km², Presidente Kennedy conta com o repasse dos recursos dos royalties do petróleo. A economia do município, no entanto, é majoritariamente ligada à agricultura, setor responsável por aproximadamente 70% da arrecadação local.

Prévia da FGV mostra retração de 0,7% do PIB em outubro

Presidente Kennedy foi seguido por Ilhabela, em São Paulo. Os dois municípios se destacam na extração de petróleo. Selvíria, em Mato Grosso do Sul, aparece na terceira posição, em razão da geração de energia hidrelétrica.

De acordo com o levantamento, as dez cidades com maior PIB per capita somavam 1,5% de todos os bens e serviços produzidos em 2019. Já o PIB per capita da cidade-região de São Paulo, que reúne 92 municípios adjacentes com forte interação, correspondia a 166% do valor do PIB nacional.

Quando se compara essa região com o semiárido nordestino ou a Amazônia Legal, a desigualdade se torna mais expressiva. No semiárido, o PIB per capita era 40% do valor nacional, enquanto o da Amazônia Legal era 66%.

Fonte: Portal R7

Notícias de Presidente Kennedy

Você está aqui

- Anunciar é Fácil (28) 99999-4664 -

Confira outras Notícias

Navegue pelas tags:

Mais Lidas