25.8 C
Itapemirim
quinta-feira 11 agosto 2022

O município de Itapemirim celebra hoje (27) seus 207 anos de emancipação – Release PMI

ItapemirimO município de Itapemirim celebra hoje (27) seus 207 anos de emancipação - Release PMI

O municpio de Itapemirim celebra hoje (27) seus 207 anos de emancipao

Itapemirim iniciou-se com uma grande fazenda de acar no litoral e ao longo do sculo XIX, seu territrio abrangeu todo o sul do estado. Em 27 de junho de 1815, emancipou-se atravs do Alvar n 55, editado pelo ento prncipe regente de Portugal, D. Joo.

Itapemirim, “caminho de pedra pequena”, por séculos, foi cenário de revoltas e de conquistas, de sonhos e de delírios, de declínios e de progresso e, outrora, abrangia todo o sul do Espírito Santo até Mariana/MG e Campos dos Goytacazes/RJ. É um celeiro histórico e, há dois séculos vem encantando moradores, além de turistas do mundo inteiro por sua exuberante natureza.

O próprio imperador do Brasil, D. Pedro II, em 1860, registrou em seu diário de viagem, as belezas e monumentos naturais da região. O monarca não só escreveu sobre Itapemirim, como desenhou os perfis das serras do Frade e a Freira, mencionou o Monte Aghá e a Ilha dos Franceses, além de visitar a Matriz Nossa Senhora do Amparo.

Indiscutivelmente, Itapemirim é um município fascinante por seu relevo e diferentes características: planaltos e planícies; mar e montanhas; magníficas paisagens naturais; crepúsculos, nascente no oceano ou poente nas colinas; praias de águas cristalinas; Lagoa Guanandy e sua sedução e; fragmentos da mata atlântica e seu bioma atraem visitantes de vários estados brasileiros e até de outros países.

Seu passado de lutas e de glórias, bem como, toda a sua trajetória, desde a colonização aos dias atuais, foi comemorado com festejos durante 2015, ano em que se celebrou o bicentenário de emancipação política dessa terra, originalmente, habitada por índios e, cuja construção e desenvolvimento se devem ao trabalho escravo do negro africano e à imigração europeia.

Colonizado por grandes fazendeiros, com o decorrer dos anos, foi dominado por coronéis, onde reinaram, majestosamente, barões! Do passado, fotografias amareladas pelo tempo rememoram fatos históricos e narram memoráveis registros, como, entre outros, a recepção da Nobreza, onde a Família Real foi acolhida com honraria, tanto na Vila, quanto na Colônia de Rio Novo.

Carrega consigo a missão de manter tradições. Um dos exemplos é a música dançada ou a dança musicada. Antes mesmo da vinda da comitiva do imperador D. Pedro II e da imperatriz, Teresa Cristina, Itapemirim vê perdurar uma rica cultura de origem africana – o genuíno jongo, este que sobrevive a percalços, sem se sucumbir à contemporaneidade. E para homenagear Itapemirim, esse grande palco que por um bicentenário, cotidianamente, reacende as luzes da ribalta para encenar tantos e belos espetáculos, a cada sessão, os munícipes aplaudem a terra mãe dos municípios sul capixabas. Parabéns, Itapemirim!

Essa é uma postagem da Assessoria de Comunicação Prefeitura de Itapemirim-ES
#município #Itapemirim #celebra #hoje #seus #anos #emancipação
O município de Itapemirim celebra hoje (27) seus 207 anos de emancipação

Fonte: Portal Oficial da Prefeitura de Itapemirim

Para mais informações sobre O município de Itapemirim celebra hoje (27) seus 207 anos de emancipação siga nossas redes sociais e saiba tudo o que acontece em Itapemirim. No Capixaba News você sempre recebe as notícias em primeira mão!

Você está aqui

- Anunciar é Fácil (28) 99999-4664 -

Confira outras Notícias

Navegue pelas tags:

Mais Lidas