25.8 C
Itapemirim
segunda-feira 16 maio 2022

DRCC prende três suspeitos de integrarem associação criminosa que clonava cartões para realizar compras – Notícias da Polícia Civil ES

PolíciaDRCC prende três suspeitos de integrarem associação criminosa que clonava cartões para realizar compras - Notícias da Polícia Civil ES

A Polícia Civil do Espírito Santo (PCES), por meio da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC), prendeu, na última terça-feira (1°), em Vitória, três integrantes de um grande esquema criminoso relacionado à compra de eletrodomésticos pela internet, que utilizava cartões clonados. Durante as diligências, foram apreendidas três televisões avaliadas em R$ 20.000,00.

A operação foi realizada com a Divisão de Homicídios e Proteção à Mulher (DHPM), a Delegacia de Crimes Contra o Transporte de Cargas (DCCTC), Delegacia de Segurança Patrimonial (DSP) e a Delegacia Especializada em Defraudações e Falsificações (Defa).

As investigações tiveram início a partir de uma denúncia de ameaça registrada por uma mulher. Posteriormente, os policiais descobriram que esta mulher ameaçada havia sido cotada para receber uma mercadoria comprada indevidamente via internet, possivelmente com um cartão clonado. A mulher, de acordo com as investigações, iria receber R$ 300,00 de uma outra suspeita para armazenar a mercadoria e depois repassar aos criminosos. Entretanto, como ela não quis devolver a mercadoria, a mesma começou a ser ameaçada.

Os policiais passaram a investigar o caso e, na última terça-feira (1º), receberam a informação de que as pessoas que estavam ameaçando a mulher estariam na residência dela, em Vitória. As equipes então se dirigiram até o local e prenderam em flagrante três pessoas, sendo dois homens, de 23 e 24 anos, e uma mulher, de 23 anos, que terceirizou a entrega das mercadorias para a casa da mulher que estava sendo ameaçada. No interior da residência, foram encontradas duas televisões de 75 polegadas e uma de 60 polegadas, avaliadas em, aproximadamente, 20.000,00 reais.

De acordo com o titular da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Cibernéticos, delegado Brenno Andrade, os golpistas utilizavam cartões clonados, feitos em nomes de terceiros, e cadastros falsos para efetuar as compras via internet, a serem enviadas para endereços de pessoas que eram utilizadas como “laranjas”, tornando mais difícil a identificação das pessoas que eram realmente responsáveis pelo crime.

“Então, era um esquema muito orquestrado. Acreditamos que se trata de uma associação muito bem estruturada e de pessoas que compravam produtos em lojas, endereços e estados diferentes para dificultar a identificação por parte da polícia”, ressaltou o delegado Brenno Andrade.

As investigações apontam que a mulher que foi ameaçada teria recebido ainda duas geladeiras avaliadas em R$ 11 mil cada, há cerca de 15 dias. A mesma está sendo investigada para verificar se ela também estava envolvida no golpe ou se teria sido vítima.

Em diligências realizadas na residência de um dos suspeitos, na Serra, os policiais apreenderam uma impressora e um computador, além de carteiras de habilitação que aparentavam ser falsas. “É importante frisar que a perícia da Delegacia de Repressão aos Crimes Cibernéticos acessou o computador do suspeito e localizou programas de edição com arquivos e CNHs falsas”, informou o titular da DRCC.

“Foi desarticulada esta quadrilha. Estão presos e, agora, as investigações continuam para ver se mais gente está envolvida e as possíveis vítimas que sofreram este golpe”, disse o delegado-geral da PCES, José Darcy Arruda.

Texto: Victória Meireles, estagiária da Seção de Imprensa e Comunicação Interna (Sicoi).



Assessoria de Comunicação Polícia Civil
Comunicação Interna – (27) 3137-9024
imprensa.pc@pc.es.gov.br

Atendimento à Imprensa:
Matheus Zardini / Camila Ferreira
(27) 3636-9928 / (27) 99297-8693 / (27) 99231-5157
comunicapces@gmail.com



Fonte: Notícias do site da Polícia Civil do Espirito Santo – Confira mais informações em Polícia Civil do Estado do Espírito Santo.

Você está aqui

- Anunciar é Fácil (28) 99999-4664 -

Confira outras Notícias

Navegue pelas tags:

Mais Lidas